abril 28, 2020

Publicado por: Clave Consultoria

Como fazer a gestão das incertezas do trabalho durante a crise

É absolutamente normal que você se sinta ansioso, sabia? Afinal, a ansiedade pode ser definida como medo do futuro, do que nos espera e das incertezas em todas as esferas da vida! Será que as incertezas que estamos vivendo são um novo cenário ou uma realidade da vida?
Pesquisa recente divulgada pela Você S/A, aponta que 55% das pessoas dizem estar altamente ansiosas com as incertezas do cenário atual, principalmente preocupadas com amigos e parentes.

No mundo em que vivemos, buscamos nos ancorar em certezas platônicas. Seria incrível se soubéssemos com toda certeza o que irá acontecer conosco daqui a 10 anos, não é mesmo?! E talvez, esse seja o motivo pelo qual as pessoas buscam respostas rápidas em cartomantes que juram trazer a pessoa amada de volta em dez dias.
O cérebro humano foi programado para buscar certezas, respostas concretas e evitar ambiguidades. É por essa razão que confiamos no poder da ciência em busca de evidências para termos certezas. No entanto, isso pode confundir-se com uma crença limitante de que temos o poder de determinar os eventos da vida.
Precisamos ter cuidado, pois a dúvida se transformou em sinônimo de ignorância, e automaticamente em uma pressão excessiva pelos acertos. E, por isso, sentir falta de controle em momentos de crise é suficiente para deixar alguém ansioso.

Fique tranquilo, ansiedade é uma resposta natural dos seres humanos!
Mas atenção! O excesso da ansiedade reduz sua capacidade de adaptação a novos cenários.


Gerenciar sua carreira já é desafiador, durante períodos de crise se torna um desafio ainda mais complexo. Ser protagonista é muito mais que uma ação, é a atitude que empodera o profissional a decidir o melhor curso profissional no seu trabalho. E incertezas sempre irão fazer parte desse processo, pois são parte das leis da natureza de um futuro aberto à evolução!

Quanto maior for a capacidade de um profissional para gerenciar incertezas, maiores são as chances de gerar melhores resultados.

E isso não tem nada a ver com algoritmo ou fórmula mágica, onde quanto maior a pontuação de acertos, mais bem colocado em um ranking você está. Isso está relacionado com usar o próprio cérebro e ter controle sobre as emoções de forma positiva.
De acordo com Daniel Goleman, Inteligência Emocional é a “capacidade que um indivíduo tem de identificar os seus próprios sentimentos e os dos outros, de se motivar e de gerir bem as emoções internas e nos relacionamentos”.
Cerca de 80% dos brasileiros não sabem o que devem fazer para desenvolver a Inteligência Emocional. Ou seja, a maioria de nós tem dificuldade em lidar com as próprias emoções de uma forma saudável e produtiva.

Se a existência das incertezas é a única certeza que temos, e a inteligência emocional é o melhor caminho para gerenciá-la, selecionei 5 dicas que poderão te ajudar a ter maior conforto e empoderamento:
  1. Autoconhecimento: Buscar conhecer melhor sobre você mesmo faz parte do primeiro passo em direção a gestão eficiente das incertezas. Quais são os sabotadores do seu cérebro? Quais são aqueles pensamentos que surgem e te potencializam?
  1. Situações passadas: Dos pensamentos que surgem e te potencializam, selecione aquele que te gera a maior sensação de conforto e tranquilidade. Lembrou qual é? Maravilha!
  1. Sensações positivas: Feche os olhos e tente lembrar cada detalhe desse momento. O cheiro, o gosto, como estava o dia. Pense sobre isso pelo tempo que você quiser, até quando te fizer bem.
  1. Prepare-se, mas vá com calma. A partir daí, você poderá refletir melhor sobre o seu futuro. Talvez esse não seja o melhor momento para realizarmos muitos planejamentos sobre sua carreira e próximos passos. Então, pratique a paciência e empatia com você mesmo. Acredite, tudo vai passar!
  1. Utilize seus super poderes – todos nós temos fortalezas únicas. Quais são as suas? Pense nelas e em como você pode potencializá-las, seja para você ou para ajudar outras pessoas.

A única certeza que temos é que este não será o primeiro e nem o último momento difícil que vamos passar! TODOS nós temos dúvidas, medos e receios, e as incertezas fazem parte da nossa rotina.

Lembre-se: somos humanos, imperfeitos e dotados de capacidades favoráveis à adaptabilidade.

Espero que gostem e compartilhem conosco suas experiências.
Até o próximo!
Taissa Costa é Partner & COO da Clave, formada em Administração pela PUC, certificação em Coaching Executivo pelo ICI e ferramenta DISC pelo E-Talent, com mais de 13 anos de experiência em RH. Destaque para a criação e implantação de projetos de consultoria em Carreira & Sucessão, Assessment e Jovens Talentos que se tornaram referência em diversos segmentos do mercado.