Três estágios para se sair bem nos processos seletivos - Clave Consultoria

A busca pela colocação no mercado vai muito além do processo seletivo ou da entrevista de emprego, em si. Há, na verdade, três etapas cruciais que farão toda a diferença na sua preparação, desempenho e, sem dúvidas, na conquista da vaga desejada. Se você está à procura de emprego, então confira as nossas dicas!

  1. Antes do processo

– Leia o ambiente:

Busque empresas que possuem valores, metas e ideias condizentes com as suas. O Google poderá te ajudar muito com isso. Mas, confirme também durante as etapas seletivas!

– Estude sobre a empresa:

Entre no site, procure amigos e peça referências de pessoas que já trabalham na empresa.

– Reflita e treine:

Reflita sobre exemplos de situações desafiadoras pela qual você vivenciou, organize seu discurso e treine. Cuidado para não roteirizar e perder sua espontaneidade!

 

  1. Durante o processo

– Coerência:

A coerência e consistência das ideias e argumentos dos candidatos se confirmam em vários momentos dos processos seletivos. Não invente histórias, seja sincero e objetivo. Seja você mesmo!

– Situação, ação e resultado:

Quando lhe for solicitado algum exemplo de situações já vivenciadas, não esqueça de informar qual foi a situação (exemplo real), qual ação realizada por você e resultado obtido. Busque sempre exemplos de sucesso e superação!

– Keep Calm:

Por pior que possa parecer ser avaliado, a etapa seletiva é o momento que você tem para mostrar que tem o perfil da vaga e merece ser contratado. Ficar calmo irá lhe ajudar. Pense: Todos estão nervosos como eu e o avaliador sabe disso.

 

  1. Após o processo

– Sucesso alheio:

Tire lições e inspiração do sucesso alheio. Após as etapas, reflita sobre seu desempenho, onde você foi bem e onde pode melhorar. Busque líderes que te inspirem, utilize o comportamento deles como referência.

– Cuidado com a ansiedade:

Muitas vezes os cronogramas dos processos são postergados e aquele prazo de retorno informado pelo avaliador, acaba se postergando. Não tem problema algum enviar e-mail ou ligar perguntando sobre o retorno, mas cuidado com o excesso.

– Persista:

Treino duro, prova fácil! Não desista no primeiro “não” que você receber. Se você acha que aquela empresa tem muito fit com você, persista mesmo diante de dificuldades. Muitos  jogadores de futebol famosos foram reprovados na primeira “peneira”, sabia?